O que é a crise existencial e como enfrentá-la

    Enquanto seres humanos, evitamos e resistimos à mudança porque se trata de um território desconhecido. Por conseguinte, tememo-la. Todavia a mudança é uma constante na nossa vida, desde que nascemos. E, quanto maior a nossa resistência, maior a probabilidade de passarmos por uma crise existencial. Mas o que é a crise existencial e como podemos enfrentá-la?

    A vida é como a natureza e a lua

    A vida é feita de ciclos como as estações do ano ou a lua. Esses ciclos trazem mudanças a que, com frequência, resistimos. Todavia, quanto maior a resistência à mudança maior o desencontro com a nossa essência. Uma crise existencial é um período da vida da pessoa em que quase tudo deixa de fazer sentido. É uma fase em que tudo parece insignificante, incluindo todas as realizações e conquistas anteriores, sonhos, interesses profissionais, relacionamentos e objectivos.

    A crise existencial é uma época de morte e renascimento

    A crise existencial é uma época de morte e renascimento. É uma fase de morte de crenças antigas, de velhas fomas de ser e a morte de velhos valores. Mas depois da morte vem o renascimento.

    Basta olharmos para os ciclos da natureza. O que está a viver não vai durar para sempre. Depois da noite vem o dia, e depois do inverno vem a primavera.

    Espero que este episódio do podcast lhe mostre como este processo que está a atravessar é realmente valioso.

    A Crise Existencial não tem de ser uma coisa má. É um momento em que se sente a necessidade de encontrar sentido ou propósito na vida. Não há nada de errado consigo. Nem estás sozinha.

    Na verdade, está mais sã do que a maioria das pessoas, porque está a questionar a insanidade do mundo à sua volta. Está no processo de entrar em contacto com a sua verdadeira natureza espiritual.

    Diga-me, está a atravessar uma crise existencial neste momento? Como é que isso lhe faz sentir?

    Por favor, partilhe abaixo ou envie um e-mail. Vamos ajudar-nos uns aos outros para não se sentirem tão sós.

    Se deseja saber mais sobre o tema veja este vídeo no Youtube onde partilho algumas dicas para lidar com a crise existencial com mais amor do que dor.

     

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.